sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Paulo Bento abandona Sporting


Paulo Bento não resistiu á má serie de resultados do Sporting e pediu a demissão. Assim acabou um ciclo de mais de quatro anos.

No momento de saída Paulo Bento sente-se um misto de emoções. Primeiro sente-se um alívio, pois a situação já estava a ser insuportável e o único caminho era mesmo a mudança de técnico. A equipa estava longe de render os mínimos, e com sempre as culpas caem em cima do treinador. Toda a gente via que o Paulo Bento já não conseguia levar o Sporting aos seus objectivos. Notava-se que quer a equipa e o treinador não estavam a conseguir evoluir ao longo das temporadas. Os adeptos com toda a razão mostravam-se descontentes e queriam mudar de rumo. O próprio Paulo Bento admitiu que estes últimos quatro meses já foram a mais.

O outro sentimento é uma sensação de injustiça para o Paulo Bento. Paulo Bento não pode considerado o único culpado pois vai muita coisa mal além de o treinador. Como o nosso presidente disse no passado recente, Paulo Bento nunca iria sair pela porta pequena, mas acabou por sair. Paulo Bento chegou numa época difícil ao Sporting, a meio de uma época a substituir José Peseiro. Com a pouca experiencia que tinha, muita pouca gente esperava que pudesse chegar onde chegou. Apesar de nunca deslumbrar dentro de campo conseguiu proezas para o Sporting: conquistou duas Taças de Portugal e duas Supertaças, o que para o passado recente do Sporting foi bom em tão pouco tempo; conseguiu pôr por quatro vezes seguidas o Sporting na Champions o que para o historial do Sporting foi obra. Ficou a faltar o campeonato, que se calhar deveu-se á pouca experiencia enquanto treinador . Paulo Bento, apesar de todas as limitações enquanto treinador, em termos da sua pessoa não há nada a criticar. Paulo Bento sempre foi um exemplo, foi um verdadeiro leão como sempre defendeu o clube e os seus jogadores. Neste momento Paulo Bento deve de ter o peito todo desfeito, devido às varias vezes nestes quatro anos que sozinho teve que dar o corpo às balas.

Neste momento vive-se uma fase muito emotiva no Sporting que vai ter de ser ultrapassada rapidamente. É necessário chegar um treinador capaz de juntar as tropas e conseguir levantar o ânimo da equipa. Todos os ciclos têm um fim, e o de Paulo Bento acabou neste momento. Vão ficar na memória coisas boas e outras menos boas, é a vida. Como disse muitas vezes Paulo Bento “ vamos levantar a cabeça e continuar a trabalhar”.

Boa sorte Paulo Bento para o teu futuro e Alvalade vai ser sempre uma casa tua.

3 comentários:

rdpereira disse...

Hoje é um dia negro, triste e mau para o Sporting, não só pela situação em si, mas também por tudo de bom que PB fez pelo Sporting. Mas "amanhã" tudo vai melhorar, vamos voltar a ver o sol e a celebrar titulos e campeonatos e vamos estar todos em alvalade a ver jogos muito bons e aplaudir a equipa.

Força Sporting!

degas disse...

Espero que o rdpereira tenha razão.
Mas acho que foi feita uma asneira, ele não era o PRINCIPAL problema.

Seria preferível afastar um ou dois jogadores intocáveis em baixo de forma (tipo Moutinho) durante duas semanas.
Ou mandar embora só o Barbosa (este homem é uma nulidade como D. Desportivo e ganha um chorudo ordenado).

SL

Anónimo disse...

o burros agora quem é que vai treinar o spoting?apartir de agora vai ser uma bela porcaria